2 de julho de 2012

REVIRAVOLTA NA POLITICA NAS ÚLTIMAS HORAS VEJAM!

Governo do Estado entrega novos veículos ao Corpo de Bombeiros…



O governador Ricardo Coutinho entrega nesta segunda-feira (2) mais oito veículos para o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba. São quatro ônibus e mais quatro viaturas de emergência tática, melhor equipada do que as atuais utilizadas pela Corporação para os atendimentos.

A solenidade está marcada para as 15h, no Palácio da Redenção, onde também acontecerá a promoção de 46 oficiais da corporação, sendo 19 de aspirante para o posto de 2º tenente; nove para o posto de 1º tenente; 17 serão promovidos a capitão e um major para o posto de tenente coronel. Ainda na solenidade, Ricardo Coutinho vai receber a comenda Aristharco Pessoa e colocará as estrelas ao mais antigo promovido de cada patente.

Os quatro veículos foram adquiridos com recursos do Funesbom. Os ônibus serão utilizados para transportar um número maior de efetivo para ocorrências de grande porte e conduzir os alunos dos mais variados cursos disponibilizados pela corporação às suas instruções nos ambientes de treinamentos. Servirão também para o transporte do efetivo durante as grandes operações de segurança do Estado em eventos como Carnaval e São João.

Os veículos híbridos, também conhecidos por Auto Tático de Emergência (ATE), são capazes e suficientes para responder aos chamados das mais variadas situações de emergência, seja em resgate, salvamento terrestre ou combate a incêndio.

De acordo com o comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Jair Carneiro de Barros, a aquisição desse tipo de veículo visa cobrir todas as áreas da cidade, distribuindo melhor os serviços de atendimento de todas as espécies com veículos preparados para atender qualquer ocorrência.

Ex-presidente da Câmara de Uiraúna é eleito prefeito em mandato temporário.



O ex-presidente da Câmara, Geraldo Luiz de Araújo (PSDB) e Jose Antônio de Almeida Neto, conhecido popularmente como Pingo D”água, (PHS) foram eleitos para o cargo de prefeito e vice respectivamente neste sábado (30). As eleições resultaram em cinco votos da situação a favor e quatro abstenções por parte dos vereadores da oposição. Geraldo vai governar a cidade de Uiraúna e cumprir um mandato de seis meses.

O novo prefeito foi escolhido por meio de uma eleição indireta, na qual apenas os vereadores votam e deverá tomar posse neste domingo, dia 01 do mês de julho. O vereador Jaílson Nogueira administrava provisoriamente a cidade desde o final de maio, depois que a prefeita e a vice foram cassadas pelo TRE (Tribunal Regional eleitoral) acusadas de capitação ilícitas de sufrágios na eleição de 2008.
Discórdia.

A oposição do município não aceitou a forma como a situação conduziu a eleição e alegou que, o que estava acontecendo nada mais era um que ato ditatorial que fere o estado de direito democrático.
Diário do Sertão com informações de Uiraúna.net

Daniella segue com Peron amparada por decisão da executiva nacional.

A candidata do PP à prefeitura de Campina Grande, Daniella Ribeiro, teve sua postulação homologada ontem no ginásio da AABB, no Centro, e confirmou o nome de seu vice, o petista Peron Japiassu, sob o tema “Pra Campina crescer em paz”. O evento selou ainda as alianças do PPS, PSDC e PRTB.

No começo da tarde, o primeiro a chegar foi o presidente estadual do Partido Progressista (PP), Enivaldo Ribeiro, reunindo candidatos a vereadores de seu partido e dos partidos aliados.

Em seguida, o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), Rodrigo Soares, chegou com uma carta assinada pelo presidente do Diretório Nacional do partido, Rui Falcão, indicando que a executiva estadual tem “total liberdade para definir suas coligações na Paraíba”.

Rodrigo, em discurso enérgico, desmentiu todos os boatos sobre outro rumo que o partido tomaria. “Estamos assegurados, com a palavra do presidente do partido. Ninguém manda no PT! Vamos marchar junto com Daniella”, disse Soares.

A candidata a prefeita de Campina Grande, Daniella Ribeiro, foi recebida pela imprensa ainda na entrada do local da convenção. Com tom sério, Daniella criticou a forma como a cidade vem sendo tratada.

“Campina Grande tem deixado o desenvolvimento de lado, enquanto as brigas políticas têm se perpetuado. Vamos apresentar propostas para o desenvolvimento da cidade”, alegou a candidata do PP.

Logo na entrada do ginásio, Daniella, ao lado do seu irmão, o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, foi ovacionada. Centenas de pessoas aplaudiam a candidata, que se emocionou ao subir no palco. “Haja coração!”, foram as suas primeiras palavras.

Em seu discurso, Daniella destacou que a intriga política não traz benefícios para Campina Grande. “Não vamos brigar. Seremos sim, atacados, mas não vamos atacar. Nossa campanha vai trazer propostas. É disso que Campina Grande precisa”, disse Daniella.

Marcondes Gadelha concede coletiva pra afirmar que Cícero não tem vice.

Seguindo orientação da Nacional, o presidente estadual do PSC na Paraíba, ex-deputado Marcondes Gadelha, concederá entrevista coletiva nesta segunda-feira pela manhã para assegurar que o partido vai ficar na coligação do deputado estadual Luciano Cartaxo, do PT.

A Estadual e a Nacional, juntas, decretaram intervenção do PSC de João Pessoa, afastando Rômulo Soares da presidência do partido na Capital.

Gadelha assegura que Ítalo Kumamoto não terá legenda pra ser vice de Cícero.
O caso é semelhante ao PT de Campina Grande. Não adianta a Municipal decidir algo sem que tenha o aval das instâncias superiores, que acabam invalidadando e afastando os condutores do processo.

O tucano vai mesmo ter que colocar anúncio no jornal atrás de vice. Se não quiser, claro, se aliar ao PMDB de Maranhão.

Aliás, como se diz “Adeus” em japonês?

PSC anuncia apoio a Cartaxo nesta segunda-feira e Cícero Lucena fica sem vice.

O PSC vai mesmo apoiar a candidatura de Luciano Cartaxo (PT) e do seu vice Nonato Bandeira (PPS). O anúncio será feito nesta segunda-feira (2), às 10 horas, em local ainda a se confirmar. Com isso, o senador e candidato Cícero Lucena (PSDB) fica sem vice em João Pessoa.

Logo após ser anunciado Ítalo Kumamoto como vice de Cícero Lucena, a Executiva Nacional do PSC interviu no Diretório municipal determinando o apoio a Luciano Cartaxo.

Mesmo assim, a direção municipal bateu o pé e disse que o PSC estará com Cícero Lucena sendo representado na chapa pelo médico Ítalo Kumamoto. A disputa pode ser decidida na justiça, como revelou o presidente Rômulo Soares.



PSC confirma apoio a Cartaxo e complica vice de Cícero.

O presidente estadual do PSC, Marcondes Gadelha, irá reunir, nesta segunda-feira (2), imprensa, membros da Executiva, pré-candidatos a vereador e militância do Partido para anunciar oficialmente o apoio à coligação PT/PPS, de Luciano Cartaxo e Nonato Bandeira, com apoio do prefeito Luciano Agra (sem partido). A decisão foi tomada com o aval da direção nacional do PSC, que é aliada do Governo Dilma. A entrevista coletiva será às 10h, na sede do PSC, na rua Padre Aires, 330, Miramar.  
 
Apesar disso, o candidato do PSDB, Cícero Lucena, anunciou que o médico Ítalo Kumamoto, será seu postulante a vice. O cardiologista renunciou à pré-candidatura e compareceu à convenção tucana.


Kumamoto ataca Marcondes Gadelha e diz que presidente do PSC é cópia de RC.

Para cardiologista, ex-senador e dirigente partidário não pode mais falar do governador

  
O médico Ítalo Kumamoto comparou neste domingo o presidente do seu partido, ex-senador Marcondes Gadelha ao governador Ricardo Coutinho (PSB).

“Novo RC da Paraíba”, postou indignado Kumamoto no Twitter devido às manobras que a legenda fez para retirar a sua pré-candidatura e não compor chapa com o candidato tucano Cícero Lucena (PSDB).

De acordo com Kumamoto, o Marcondes Gadelha não tem mais como falar do governador, pois, o dirigente partidário uma “cópia de RC”.

“Lamentável - Presidente do #PSC ainda resiste à decisão de maioria dos convencionais! E fala de RC, Pode? Onde está a democracia?”, questionou Kumamoto em uma postagem no Twitter.

O PSC através de uma resolução da executiva nacional optou por em compor aliança com o petista Luciano Cartaxo. 


Liminar do STJ solta prefeito de Solânea, preso pela PF na ‘Operação Pão e Circo’

A ministra Laurita Vaz, da Quinta Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) determinou a soltura do prefeito de Solânea, Francisco de Assis de Melo, conhecido por Dr. Chiquinho. Ele foi um dos três prefeitos presos pela Polícia Federal na semana passada entre os acusados de integrar um esquema que desviava recursos públicos com a contratação de bandas e shows artísticos.

A operação conjunta – que envolveu ainda a Polícia Militar, o Ministério Público Estadual e a Controladoria Geral da União – foi denominada de ‘Pão e Circo’.

A ministra Laurita Vaz concedeu liminar, em habeas corpus impetrado em favor do prefeito de Solânea pelos advogados Marcos Souto Maior e Marcos Souto Maior Filho. O Superior Tribunal de Justiça, por telegrama, comunicou a decisão da ministra ao Tribunal de Justiça da Paraíba, às 18h42 deste sábado (30).
No STJ, o habeas corpus foi protocolado às 14h01, sob número único 0130881-59-2012.3.00.0000. O processo foi distribuído automaticamente à ministra Laurita Vaz, da Quinta Turma, às 15h30. E às 15h58 foi devolvido à presidência do Superior Tribunal de Justiça já concluso.

Além de Dr. Chiquinho, do município de Solânea (localizado no Brejo paraibano, a 130 quilômetros de João Pessoa), foram presos os prefeitos de Sapé (cidade do Brejo, a 63 quilômetros da Capital), João Clemente Neto,conhecido como João da Utilar; e o de Alhandra (no Litoral Sul paraibano, a 44 quilômetros da Capital), Renato Mendes. Esses dois ainda não conseguiram liminares.

O prazo legal da prisão temporária termina nesta segunda-feira.
A operação “Pão e Circo”, segundo a Polícia Federal, desmantelou um esquema de contratações superfaturadas para eventos festivos em pelo menos 40 cidades do Estado. O esquema envolveria prefeitos, primeiras-damas, secretários municipais e empresários de bandas de forró.

 Cerca de 300 policiais federais, 30 policiais militares e 20 auditores da CGU participaram da operação, além de 12 promotores de Justiça.

Segundo o Ministério Público, nos últimos seis meses, foram desviados mais de R$ 65 milhões. A operação consiste no cumprimento de 93 mandados judiciais, sendo 65 de busca e apreensão, 28 de prisão temporária, cinco de condução coercitiva, além de ordens de sequestro de bens móveis e imóveis. Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região, sediado em Recife (PE) e pelo Tribunal de Justiça da Paraíba.

PSB nega legenda a Bira em JP.



O vereador Bira Pereira (PSB) confirmou, ontem, que teve a legenda para disputar a reeleição negada pelo PSB. A decisão foi tomada em uma reunião extraordinária da Executiva Municipal, após a convenção do partido na capital. “Isso é um ato de perseguição, um golpe. Se alguém dentro do partido ou fora dele quer me derrotar, que me derrote nas urnas. Isso mostra que o autoritarismo está imperando”, desabafou.

O vereador adiantou que vai recorrer judicialmente da decisão porque o partido não tem argumento nem político nem jurídico para negar legenda.

O presidente municipal do PSB, Ronaldo Barbosa, foi procurado pela reportagem para explicar a questão, mas não atendeu aos telefonemas.


São João contabiliza multidão.



O São João já está deixando saudade para uma multidão que participou de uma das maiores e mais tradicionais festas do país.

O “Maior São João do Mundo”, que todos os anos acontece em Campina Grande, deve marcar mais uma vez um recorde de público, com uma expectativa de atingir um número de dois milhões de pessoas, até a noite de hoje, no Parque do Povo e demais pontos turísticos da cidade. A estimativa é da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do município. No centenário do Gonzagão, a homenagem ao “Rei do Baião” vai ficar marcada na história da cidade.

Durante os 31 dias de festa, o público foi contagiado por mais de 100 artistas, somente no Palco Principal do Parque do Povo, que este ano recebeu os visitantes com uma nova estrutura.

 Segundo o prefeito Veneziano Vital do Rêgo, um dos destaques da festa foi a reforma completa no principal local de encontro dos forrozeiros. Além da reforma no piso, que recebeu um material antiaderente, os banheiros também receberam uma nova estrutura. “É preciso destacar a magnífica obra que é o Parque do Povo, hoje revigorado e estruturado. É uma sensação de dever plenamente cumprido”, contou.

O prefeito também informou que o investimento na festa, orçado em R$ 6,5 milhões, foi revertido em uma grande movimentação na economia da cidade, que fez girar este ano, um valor que varia entre R$ 110 milhões e R$ 115 milhões. Essa movimentação se deve aos turistas vindos de todas as partes do Brasil e até do exterior, que lotaram os hotéis e pousadas de Campina Grande.

De acordo com o Sindicato dos Hotéis, Bares e Similares, no final de semana que comemorou o São João, entre os dias 22 e 24, os principais estabelecimentos da cidade ficaram lotados. Conforme explicou o prefeito, três mil empregos diretos e 12 mil indiretos foram criados com o “Maior São João do Mundo” de 2012.

“Ganham com isso, desde os ambulantes, passando por mototaxistas, até os hotéis de luxo. Toda a cadeia econômica é movimentada, sendo isso de suma importância não só para a cidade, mas para todo o Estado, pois pela lotação que temos aqui, existem pessoas que se hospedam em João Pessoa para vir até Campina”, informou.

 Ele explicou que a própria ascensão das classes sociais, fez com que as pessoas viajassem mais e um dos principais roteiros turísticos do Nordeste e do Brasil, é Campina Grande. “O São João hoje é um evento totalmente profissional, de porte nacional, recomendado pelo Ministério do Turismo, que propaga o nome de Campina Grande e das marcas que aqui investem para todo o país”, acrescentou.

Convenção do PMN e PSB de Itabaiana.

Dr. Lúcio (prefeito pelo PMN) Zé Ramos (vice pelo PSB)
PMN / PSB / PR / PC do B / PRP / PPL / PSL / PTN / PV

Convenção do PSB de Salgado de São Félix.

Dr. Joni (prefeito) Neto Saraiva (vice)

Tavinho acata apelo do PMDB e deve ser anunciado como vice de Maranhão.

Decisão acontece após reunião do parlamentar com o ex-governador e cúpula peemedebista

 
O vereador de João Pessoa Tavinho Santos (PTB) deverá ser confirmado como o candidato a vice na chapa de o ex-governador José Maranhão (PMDB).

Apesar de ter afirmado na manhã de hoje que não queria mais a vaga na chapa majoritária, o parlamentar resolveu atender aos apelos do ex-governador, de lideranças do PMDB e partidos aliados.

Na tarde deste domingo (1), Tavinho esteve conversado com  José Maranhão, o deputado Benjamim Maranhão e o presidente do PR, deputado Wellington Roberto.

Wellington Roberto também teria defendido o nome de Tavinho.

O anúncio oficial de Tavinho da vice de Maranhão deverá ser feita nesta segunda-feira (2) pelo próprio José Maranhão.



 Tavinho Santos muda de ideia e aceita vice de Maranhão.

O vereador Tavinho Santos (PTB) aceitou figurar como vice na chapa de José Maranhão (PMDB) à prefeitura de João Pessoa. Este é o saldo de um encontro realizado há pouco entre o ex-governador, o presidente municipal do PMDB, Benjamin Maranhão, e os empresários Diego e Reginaldo Tavares, além do senador Vital Filho (PMDB).
 
"Eles me fizeram um apelo e pelo bem do projeto para 2014 eu aceitei ser vice de José Maranhão", disse Tavinho 
 
Pela manhã, o vereador manifestou ideia contrária. "Criaram uma expectativa em torno do meu nome e depois voltaram atrás. Agora já decidi irei a à reeleição", postou ele no Twitter.
 

Benjamim duvida de empenho de Efraim Filho na campanha de Estelizabel.

Peemedebista tira licença da Câmara Federal e alfineta adversário que não fez o mesmo

  
O deputado federal Benjamin Maranhão (PMDB), que protocola licença na Câmara Federal nesta segunda-feira (2), para se de dedicar à campanha do PMDB em João Pessoa, duvidou, neste final de semana, que o seu adversário político, Efraim Filho (DEM) vá se dedicar a campanha de Estelizabel Bezerra (PSB), em João Pessoa.

Mesmo indicado para disputar a eleição como vice na chapa da socialista, Efraim não demonstrou até agora nenhum interesse em se ausentar da Câmara Federal para acompanhar mais de perto o pleito eleitoral, a exemplo de que fez Benjamim e o tucano Romero Rodrigues, que concorre a Prefeitura de Campina Grande.

“Se ele não vai tirar é porque ele não vai participar da campanha”, disse Benjamim Maranhão.

Com a licença de Benjamim Maranhão da Câmara Federal, deve quem assume é o suplente Armado Abílio (PTB). No entanto, o peemedebista nega que a sua licença esteja condicionada ao apoio do PTB ao candidato José Maranhão.

“Não foi acordo. Foi uma decisão tomada em consenso para abrir um espaço para um suplente, pois, nós somos eleitos com a ajuda dos suplentes”, afirmou.

Já no caso de Efraim Filho, caso ele se afaste temporariamente das atividades em Brasília, o socialista Edvaldo Rosas, ocupará o cargo no Congresso Nacional.



Luciano Cartaxo desdenha de adversários por não compor vaga de vice.

Parlamentar disse que diferente dos seus adversários, sua chapa está complenta

  
O candidato a prefeito de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores (PT) ironizou neste domingo (30) com os seus adversários políticos que enfrentam problemas com os seus vices, a exemplo do senador Cícero Lucena, que pode ter a chapa com Ítalo Kumamoto (PSC) desfeita e José Maranhão (PMDB), que indicou o deputado Gervásio Maia (PMDB)para compor a chapa majoritária, mas, o parlamentar desistiu da disputa eleitoral.

Utilizando sua página no Twitter, e sem utilizar nomes, Cartaxo disse que, “Diferente de alguns candidatos que amanheceram neste domingo sem compor a vaga do vice, o PT está com uma chapa completa”.

Ainda no Twitter, Cartaxo confirmou o PSC na sua coligação partidária que contabiliza que também os as siglas PP, PPS e o PRB.

O petista disse está satisfeito com a composição que conseguiu formar para a disputa eleitoral, principalmente, para quem brigou dentro do partido para ser candidato nas eleições deste ano.

















 POSTADO POR GENILDO ALVES.



 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário