25 de julho de 2012

FOCO PB NOTICIAS VEJAM !


Servidores da PMJP recebem salário a partir da próxima segunda.
















A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) efetua o pagamento do salário de julho aos servidores municipais nas próximas segunda (30) e terça-feira (31). A secretária de Administração (Sead), Rosa Gondim, informou que, além dos salários, os funcionários que se enquadram no perfil para receber o abono rendimento do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) receberã o benefício no mesmo dia.

Segundo ela, a Sead já está terminando de fechar a folha de pagamento do mês de julho, e o pagamento, mais uma vez, ocorre dentro do mês trabalhado. “Sem falar que o Pasep também será pago na terça para os servidores ativos que têm direito ao pagamento”, acrescentou.

Os servidores aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência do Município (IPM) recebem os salários na segunda-feira (30). Na terça, recebem os demais servidores das secretarias e órgãos. O pagamento é efetuado nas agências do Bando do Brasil.

Pasep – Tem direito anualmente ao abono do Pasep os servidores que receberam, no ano anterior, até dois salários mínimos de vencimento e que tenham cinco anos efetivos consecutivos de exercício do trabalho. Este intervalo de cinco anos não tem, necessariamente, que ser cumprido apenas na PMJP, mas é importante que seja comprovado que este tempo de serviço foi trabalhado.

Rosa Gondim esclarece ainda que o benefício não é concedido apenas a servidores efetivos, mas também a servidores comissionados e prestadores de serviço. Apenas os aposentados não têm direito a receber o Pasep.




Ricardo faz campanha de rua ao lado de Estela, relembra eleição em 2010 e dispara: “O povo não vive de pesquisa”
















O governador Ricardo Coutinho (PSB) entrou na campanha de rua da candidata de seu partido, Estela. Durante caminhada em Mandacaru, ele criticou a crença em pesquisas eleitorais, relembrando a sua eleição em 2010, e disparou: “o povo não vive de pesquisa”.

Ricardo descredibilizou as pesquisas, alertando a militância sobre a falta de precisão dos institutos. “Se pesquisa valesse alguma coisa, hoje eu não seria governador da Paraíba. O povo não vive de pesquisa, mas de ações concretas”, disse Coutinho lembrando que as pesquisas não lhe apontavam como eleito em 2010.


Além do governador, Estela foi acompanhada na caminhada por seu vice, Efraim Filho (DEM), pelos deputados estadual Edmilson Soares (PEN) e federal Damião Feliciano (PDT), a candidata da coligação ‘Pra Seguir em Frente’ (PDT / PTN / DEM / PSB / PV / PRP / PSD / PC do B).




Filho de candidata a prefeita da Capital abandona disputa por vaga na Câmara de JP.


De acordo com os dados do Tribunal Superior Eleitoral, até a tarde desta terça-feira (24), 12 candidatos a vereador de João Pessoa já estão fora do pleito de 7 de outubro, um deles,  André Sarmento, o filho da candidata a prefeita pelo PCO, Lourdes Sarmento.

Com 572 pedidos de candidaturas para disputar as 27 vagas na Câmara Municipal de João Pessoa, o TSE ainda não publicou a listagem oficial das candidaturas deferidas, mas as 12 desistências já estão no sistema DivulgaCand da Justiça Eleitoral.

Da lista dos que abandonaram a disputa, dois são do PSB, dois do PP, dois do PRB, dois do PTC, e outros quatros do PMN, PTN, PCO e PPL.




Bispo é flagrado em praia com mulher

Imagem





O papa Bento 16 aceitou nesta terça-feira a renúncia do bispo da diocese argentina de Merlo Moreno, Fernando María Bargalló, envolvido em um escândalo amoroso após a divulgação de fotos que o mostram ao lado de uma mulher em uma praia do México, informou a secretaria de imprensa do Vaticano. A renúncia foi aceita segundo o artigo 401, parágrafo 2, do Direito Canônico que dispõe o afastamento do religioso da diocese "por doença ou causa grave", afirma um comunicado. O papa nomeou como substituto provisório o bispo emérito de San Isidro, monsenhor Alcides Jorge Pedro Casaretto, de 75 anos, com o título de "Administrador Apostólico ad nutum Sanctae Sedis", expressão que indica que ele permanecerá no cargo de Administrador Apostólico até que a Santa Sé designe o novo bispo diocesano. Bargalló havia apresentado a renúncia na segunda-feira à Nunciatura Apostólica, a representação do Vaticano na capital argentina. A princípio, Bargalló afirmou que a mulher na foto era uma amiga de infância, mas, na sexta-feira, pressionado, admitiu o vínculo amoroso aos padres de sua diocese e apresentou a renúncia. O bispo era considerado um dos favoritos para substituir o cardeal Jorge Bergoglio como arcebispo de Buenos Aires. O escândalo teve início com uma série de fotografias que mostram o bispo, de 57 anos, no mar abraçado com uma mulher, que segundo a imprensa seria a empresária Mariví Martínez Bo, de 56 anos. O bispo foi eleito por dois períodos consecutivos como presidente da instituição Cáritas Argentina, na qual ficou até novembro de 2011.


POSTADO POR GENILDO ALVES/DEMAIS SITES.

Nenhum comentário:

Postar um comentário