13 de abril de 2012

RAPIDINHAS DA NOITE! VEJAM.

Djanilson, Hilton Souto Maior ou o 3º suplente. Quem ficará com a vaga de Felipe Leitão?



A Câmara Municipal de João Pessoa recebeu, na manhã desta quinta-feira  uma notificação para fazer cumprir a sentença da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) 008/2008, proferida pelo Juiz Eleitoral Eslu Eloy Filho. A decisão judicial decreta a cassação do diploma do vereador Felipe Matos Leitão, e determina que seja empossado, em substituição, o suplente da vez da Coligação, adotando-se as medidas administrativas próprias.

A decisão judicial foi encaminhada ao setor competente para que seja elaborado um Ato da Mesa Diretora da CMJP declarando a vacância. Após a publicação do Ato no Semanário Oficial, o suplente da vez da Coligação será convocado para apresentar a documentação necessária e, em seguida, agendar a posse.
Porém, algumas dúvidas permanecem. A vaga é do partido, no caso o PRP, Djanilson Fonseca, hoje, é filiado ao PPS. O suplente seguinte é Hiltinho Souto Maior, que segundo uma fonte me revelou não quer assumir a vaga. Sobraria, então, para o 3º suplente. "Quem vai dizer quem assumirá a vaga de Felipe Leitão é o TRE", revelou a fonte.








Ruy Carneiro diz torcer pelo governador Ricardo Coutinho.

O deputado federal tucano Ruy Carneiro, em entrevista a uma TV local, disse categoricamente torcer para uma boa relação entre o governador Ricardo Coutinho (PSB) e a presidente Dilma Rousseff (PT).

“Claro que torço para esse entendimento entre a presidente Dilma e o governador se fortalecer, quem ganha é todo o Estado. E não tem porque nós fazermos oposição para esse entendimento”, frisou o parlamentar federal.

A declaração do deputado Ruy Carneiro foi em resposta a pergunta do apresentador, se ele (Ruy) via com bons olhos essa parceria entre o governador Ricardo Coutinho e a presidente Dilma Rousseff.

 

Cássio põe mais um empecilho para apoiar candidatura de Cícero.


O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) foi enfático na tarde desta sexta-feira (13) ao afirmar que não apoiará a pré-candidatura do tucano Cícero Lucena à Prefeitura de João Pessoa, caso haja qualquer tipo de composição com o PMDB.

Mesmo sem garantir apoio à pré-candidatura de Cícero, Cássio mandou um recado direito ao colega de partido: “Já conversei isso com ele e preciso saber qual o caminho que Cícero vai trilhar para que eu possa me posicionar”, destacou o senador.

Cássio voltou a afirmar que não colocará em jogo a aliança que possui com o governador Ricardo Coutinho (PSB). “Tenho uma aliança estadual com o governador Ricardo e não a colocarei em risco por causa das eleições municipais”, enfatizou.

Considerado um dos principais ‘cabos eleitorais’ das eleições deste ano, Cássio reafirmou que o candidato do PSDB em Campina Grande será o deputado federal Romero Rodrigues. Ele aproveitou, ainda, para descartar a possibilidade de um dos seus filhos disputarem o cargo de vice na chapa tucana.

As declarações do senador Cássio Cunha Lima foram dadas em João Pessoa ao Programa Tambaú Debate, da TV Tambaú, afiliada na Paraíba ao SBT.


 



POSTADO POR FOCO PB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário