22 de março de 2012

Polícia desarticula quadrilha que assaltava bancos e lotéricas


A Delegacia Regional de Polícia Civil de Campina Grande realizou, nesta quinta-feira (22), um balanço parcial da megaoperação que vem sendo realizada, desde a última segunda-feira (20), para prender os integrantes da quadrilha que praticou um assalto ao Banco do Brasil de Aroeiras, no Agreste paraibano.

Na ocasião, o delegado André Rabelo agradeceu aos policiais envolvidos na operação, "pela presteza, dedicação e desprendimento”, lembrando que um deles, em sua difícil missão, acabou ferido, ressaltando que "esta é a forma de dar uma resposta à sociedade, no combate ao crime".

Segundo o delegado, já foi possível apurar que a quadrilha é composta de pelo menos doze integrantes, cinco dos quais estão foragidos. Até o meio dia desta quinta-feira (22), já haviam sido capturados Thiago Chaves Rocha, Douglas Fernandes Monteiro, Valdemberg de Araújo Guimarães (Val), Ramon Ferreira dos Santos e Gilmar Ferreira de Lucena (Gil). Morreram no local Adeilton Valença de Queiroz, o "Dito", que se passava por Paulo Roberto de Sousa, e outro ainda sem identificação.

A operação
Ao tomar conhecimento do assalto ao Banco do Brasil de Aroeiras, a Polícia Civil começou as diligências na região e em dois dias, com o apoio da Polícia Militar, conseguiu prender cinco integrantes do bando. Numa troca de tiros, dois assaltantes morreram e um policial saiu ferido.

Durante o assalto, a quadrilha utilizava um Ford Focus de placas MYW-7608 - Natal-RN; um Spacefox DVJ-2762- Guarabira e um Celta KJS-6066 - Petrolina - PE, todos apreendidos na operação, além de uma Strada e um Fiesta, que foram encontrados incendiados.

Com os assaltantes, foram apreendidas, além dos veículos, armas, munições, celulares e uma grande quantidade de grampos metálicos, que seriam utilizados para furar os pneus das viaturas, durante possíveis perseguições.

A Polícia, que investiga a participação do bando em outros crimes e continua as buscas para prender os demais integrantes, já apurou que a quadrilha é responsável pelo assalto ao banco Unicred, ano passado e à Casa Lotérica do Shopping Boullevar, há poucos dias.






POSTADO POR FOCO PB/PARAÍBA JA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário