22 de dezembro de 2011

Hildevânio: "Walter Aguiar não tem legitimidade para falar em nome do PT"


           O membro da Executiva Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em João Pessoa, Hildevânio Macêdo, afirmou, hoje que o secretário executivo de Turismo do Estado, Walter Aguiar, não tem legitimidade para falar em nome do Partido dos Trabalhadores (PT) por estar com os direitos suspensos e não integrar nenhuma instância partidária da legenda.

Recentemente, Walter declarou à imprensa que em João Pessoa (como no Rio de Janeiro (RJ) e Porto Alegre (RS), por exemplo) não haverá candidatura própria mas, segundo Hildevânio, nessas cidades, assim como em Recife (PE), Natal (RN), Vitória (ES), São Paulo (SP), Salvador (BA) o PT terá candidatos próprios à Prefeitura. “Walter precisa ler mais jornais, sites de notícias e o site do próprio PT para se informar. Parece que, por ser da pasta do turismo, ele está ‘viajando na maionese’. Uma boa sugestão seria voltar ao Partido e começar a participar das reuniões do Fórum em Defesa da Candidatura Própria para se inteirar melhor”, declarou.
Para o dirigente do PT, a opinião de Walter Aguiar não tem peso político algum, principalmente porque ele desconhece as decisões do Diretório Nacional em relação ao veto da participação do Partido no Conselho Político de Agra e em relação ao apoio à candidatura própria. “Na última reunião da Executiva Nacional do PT, ocorrida em 13 de dezembro, foi ratificado em resolução que cabe ao Diretório Nacional e aos Diretórios Estaduais acompanharem e orientarem os diretórios municipais em relação ao processo Eleitoral de 2012. Ele não sabe disso porque está fora do Partido e, portanto, sua opinião tem caráter estritamente pessoal”, afirmou Hildevânio Macêdo.


POSTADO POR EQUIPE FOCOPB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário