4 de outubro de 2011

Saiba o que esperar do novo iPhone, que será apresentado nesta terça.


A Apple colocará fim a uma série de rumores no início da tarde desta terça-feira (4), quando fará seu anúncio relacionado ao iPhone. A expectativa é de que, sob o comando de Tim Cook, seu novo executivo-chefe, a companhia mostre a nova versão do seu smartphone.
Há exatamente uma semana, a Apple enviou um convite à imprensa para um "evento especial" que ganhou o nome de "Vamos falar de iPhone". O anúncio, que ocorre às 14h (horário de Brasília), será feito na sede da empresa em Cupertino, na Califórnia.
O convite não trazia mais detalhes, porém a movimentação da indústria nos últimos meses gerou uma série de rumores. Saiba o que esperar do evento:
O que o novo iPhone deve ter?Há basicamente duas linhas de rumores: a primeira diz que o modelo virá com um novo design, mais fino e com tela maior que a do modelo atual. Diversas capas de proteção fabricadas supostamente para o novo modelo apontam para esta tendência. A outra afirma que as mudanças devem ser apenas internas, e o aparelho continuará com o mesmo formato do iPhone 4.
Steve Jobs mostrou iPhone 4 branco durante apresentação do aparelho (Foto: Robert Galbraith/Reuters)Steve Jobs mostra o iPhone 4; expectativa é de que
design do novo aparelho seja semelhante ao da
versão anterior.
Uma certeza é que a Apple deve trocar o processador do iPhone para um mais veloz na nova versão do aparelho. Rumores indicam o uso de uma versão atualizada do processador de dois núcleos A5, o mesmo que é usado no iPad 2. Mais memória RAM é outro indicativo para o lançamento, já que isso permitirá rodar aplicativos e games mais complexos no celular.
A qualidade da câmera, uma das principais reclamações dos usuários do iPhone, deve fazer com que a Apple adicione um sensor com resolução de 8 megapixels no novo smartphone. Ela permitiria ainda que o usuário gravasse vídeos em Full HD (1080p de resolução). A câmera atual do aparelho tem 5 megapixels e grava vídeos em 720p.
Uma tela com maior definição no aparelho também exige uma bateria com maior capacidade, algo que a Apple deve incluir no novo celular.
Especula-se que o iPhone 5 pode ser compatível com redes 4G, que dão acesso à conexões velozes pela rede do celular. No entanto, para acessar essa qualidade de conexão, é necessário uma bateria maior, que poderia tornar o novo iPhone mais “gordo”.
O reconhecimento de voz deverá ser uma função nativa do novo iPhone, permitindo que outros aplicativos possam usar o recurso. A Apple adquiriu a empresa Siri, que trabalha com tecnologia de reconhecimento, e ainda não apresentou nenhuma novidade nesta área.
Nome: 4S, 4G, 5...O mercado aguarda o anúncio de um novo iPhone, mas a Apple pode frustrar a expectativa de um novo aparelho revolucionário e lançar apenas um upgrade da versão anterior. Sites especulam que ele pode se chamar iPhone 4S (a exemplo do iPhone 3GS), que seria apenas uma atualização de hardware do iPhone 4.
Ele teria o mesmo desenho do iPhone 4 mas traria um processador mais veloz, bateria com maior duração e uma câmera com maior resolução, algo em torno de 8 megapixels.
Desenvolvedores que participaram do teste do iTunes afirmam que há várias citações do iPhone 4S nas linhas de código do programa. Eles também sugerem que o iPhone 4 receberia uma versão mais barata, com memória de 8 GB.
Lançamento global mais velozA Apple tradicionalmente tem disponibilizado o aparelho para venda nos Estados Unidos poucos dias após a apresentação oficial. A diferença de datas de lançamento para o resto do mundo, no entanto, tem caído a cada nova versão.
Como o novo aparelho chega ao mercado já em outubro, aposta-se que a Apple deverá correr para colocar o novo modelo nos principais mercados a tempo das vendas para o Natal, principal feriado do comércio. Até mesmo o Brasil espera ver o prazo da chegada no novo iPhone menor que o do quarto modelo: em 2010, o lançamento por aqui ocorreu 3 meses depois do início das vendas nos Estados Unidos.
Aparição de Steve Jobs
Embora esteja afastado da Apple desde agosto, Steve Jobs pode aparecer no palco antes dos anúncios do novo iPhone e dos novos produtos da empresa, que é responsabilidade de Tim Cook, novo executivo-chefe da companhia. Como Jobs não fez uma despedida oficial, ele pode usar o momento para falar com o público.
Entretanto, o frágil estado de saúde do executivo pode impedi-lo até de comparecer ao evento, que ocorrerá na sede da Apple em Cupertino, na Califórnia.
Steve Jobs (Foto: Jeff Chiu/AP)Steve Jobs, o antigo executivo-chefe da Apple.

Nenhum comentário:

Postar um comentário