19 de outubro de 2011

A NOTÍCIA COM IMPARCIALIDADE FOCOPB.



 
Marinheiro alemão é devorado por canibal no Pacífico Sul e tem namorada estuprada


A viagem dos sonhos de um alemão à Polinésia Francesa, no Pacífico Sul, virou um pesadelo. Desaparecido desde o mês passado, Stefan Ramin, 40 anos, que é marinheiro, pode ter sido vítima de canibalismo.

Ele saiu para participar de tradicional caça às cabras, na companhia de um guia local, pela ilha Nuku Hiva, e sumiu. Identificado como Henri Haiti, o guia retornou sozinho e contou à namorada de Ramin, Heike Dorsch, 37, que um acidente havia ocorrido e que o marinheiro precisava de ajuda.

Segundo a polícia local, antes que Dorsch pudesse buscar socorro, o guia a amarrou a uma árvore e a violentou. No entanto, a mulher conseguiu escapar e avisou à polícia.

Após semanas de investigação, foram encontrados roupas e vestígios humanos - ossos e dentes - queimados junto a um acampamento. Para a polícia, Stefan Ramin teria sido morto por um canibal.

Os restos mortais encontrados foram enviados a Paris, na França, onde exames irão comprovar se realmente são do marinheiro alemão. O suspeito do crime, Henri Haiti, está foragido.

Surge mais um nome para disputar a presidência do PMDB na Capital e racha interno pode se agravar

A disputa interna pelo poder no PMDB já não é mais segredo para ninguém e a crise pode se agravar ainda mais. O fato é que surge mais um nome para disputa pela presidência do partido em João Pessoa. Além do deputado federal Benjamin Maranhão, atual presidente, e do vereador Mangueira, nesta terça-feira (18), quem colocou o nome na disputa foi o deputado Gervásio Maia Filho.

“Estamos colocando nosso nome a disposição para fortalecer a legenda na Capital. Já conversamos com diversas lideranças em João Pessoa para que possam apoiar nosso nome”, revelou o parlamentar.

Segundo Gervásio, existe um acordo interno de rodízio na direção do partido e por conta disso, desta vez o presidente deve ser um outro filiado que não mais o deputado Benjamin Maranhão.

Parlamentar parte para o contra-ataque e condena a atitude de ex-líder ao acusar Zé Maranhão de fraude

O vereador Fernando Milanez (PMDB) quebrou o silêncio e saiu, nesta terça-feira (18), em defesa do ex-governador José Maranhão. Segundo Milanez, não fica nada bem para o ex-líder Gervásio Maia atacar o governador que ele mesmo defendia a pouco menos de um ano.

“Não fica bem para ele (Gervásio) que já foi líder de Maranhão na Assembleia ficar agredindo o ex-governador. Não se pode chamar um homem limpo de fraudador. Essa atitude do deputado não é normal e é lastimável”, disse o vereador.

Segundo Milanez, José Maranhão é o grande comandante do PMDB paraibano e não pode sofrer os ataques que vem sofrendo por parte de integrantes do próprio partido. “Eles falam de Maranhão na imprensa e quando chegam na frente do ex-governador dizem o contrário”, frisou.

Aposentado é acusado de abusar sexualmente das filhas há mais de 5 anos em Lagoa Seca/PB

Um aposentado da cidade de Lagoa Seca, no Agreste da Paraíba, está sendo investigado pela Polícia Civil sob a acusação de manter relações sexuais com suas três filhas. De acordo com a denúncia, uma delas, adolescente à época em que ocorriam os abusos, já tem um filho que seria neto do acusado. O suspeito ainda não foi detido nem convocado para prestar esclarecimentos, e sua identidade ainda permanece em sigilo, no entanto, já se sabe que ele reside em uma propriedade rural nas proximidades do povoado do Alvinho, na zona rural do município.

O inquérito policial já foi aberto pelo delegado Antônio Lopes Filho e está sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente.

Os abusos foram denunciados anonimamente através Disque-Denúncia 190 e relatado à Promotoria da Infância e Adolescência do Ministério Público da Paraíba (MP) em Campina Grande. O promotor Herbert Targino encaminhou ofício na última sexta-feira à Polícia de Lagoa Seca, requerendo agilidade na investigação do crime.

O aposentado já foi investigado em 2007, acusado da mesma prática. Porém, ele não foi preso por falta de provas. O abuso estaria também acontecendo contra as outras duas filhas do suspeito, ambas ainda menores de idade.

De acordo com o relato da Polícia Civil local, as informações contidas no ofício já estão sendo investigadas, no entanto, o suspeito ainda não foi detido até o momento por falta de provas. “É um caso grave. Recebemos o ofício da procuradoria e estamos ainda investigando”, informou o agente de investigação Ferreira, da Polícia Civil de Lagoa Seca.

Identificação em motel na Paraíba não é mais obrigatória, lamenta procurador

O flagrante de um adolescente de 17 anos saindo de um motel em João Pessoa reacendeu as discussões na Paraíba sobre a cobrança de identificação de clientes na entrada destes estabelecimentos. De acordo com o procurador-chefe da Procuradoria Regional do Trabalho (PRT), Eduardo Varandas, os proprietários de motéis conseguiram derrubar na Justiça o Termo de Ajustamento de Conduta assinado em 2009, que obrigava os clientes a apresentarem documentos durante a solicitação de quartos.

O principal objetivo da medida era combater a exploração sexual infantil, ao abuso sexual e à pedofilia. O compromisso foi firmado entre empresários e representantes do Ministério Público do Trabalho, da Promotoria da Infância e Juventude, das Polícias Federal, Civil e Rodoviária Federal e das secretarias de turismo. O acordo previa pagamento de multa de R$ 20 mil por cada situação irregular.

Segundo Varandas, apesar da vigência por alguns meses, os empresários do ramo conseguiram uma liminar contra a exigência. Porém, a PRT já teria recorrido pelo direito de continuar as fiscalizações.

Em entrevista à TV Cabo Branco, o procurador lamentou que o TAC não esteja mais em vigência e declarou que vai recorrer "até a última instância para fazer valer o combate à exploração sexual infantil". Ele também explicou que não havia divulgado o impasse antes para não incentivar outros casos.

"Tanto a Polícia Civil quanto a Rodoviária Federal vão investigar o que aconteceu. Este foi só um dos casos que a PRF conseguiu flagrar, mas com certeza muitos outros estão acontecendo sem conhecimento das autoridades", disse Eduardo Varandas.

O adolescente flagrado pela PRF saindo do motel com bebidas e dirigindo um carro foi detido e encaminhado para a Delegacia da Infância e Juventude. A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar a informação de que o rapaz estaria conduzindo sem habilitação, além da proibição de sua presença no motel enquanto menor de idade. Os pais assinaram um Boletim de Ocorrência Circunstanciado se comprometendo em apresentar o filho à Justiça durante as investigações.
Samu recomenda colocar no celular número 'para quem ligar' em caso de emergência

Os médicos e paramédicos das ambulâncias de emergências médicas perceberam que, muitas vezes, nos acidentes da estrada, os feridos têm um celular consigo. No entanto, na hora de intervir com estes doentes, não sabem qual a pessoa a contatar na longa lista de telefones existentes no celular do acidentado.

Para tal, o SAMU lança a idéia de que todas as pessoas acrescentem, na sua longa lista de contatos, o NÚMERO DA PESSOA a contatar em caso de emergência. Tal deverá ser feito da seguinte forma: 'AA Emergência' (as letras AA são para que apareça sempre este contato em primeiro lugar na lista de contatos).

"É simples, não custa nada e pode ajudar muito ao SAMU, ou a quem nos acuda, a nos acudir. Se lhe parecer correta a proposta que lhe fazemos, passe esta mensagem a todos os seus amigos, familiares e conhecidos. É tão somente mais um dado que registramos no nosso celular e que pode ser a nossa salvação", disse a coordenador Josiani Trocantti.

Benefícios do INSS vão até R$ 4.120 no ano que vem, diz Confederação de Aposentados

A Confederação Brasileira dos Aposentados e Pensionistas (Cobap) já dá como certo que o reajuste de 11,7%, para os segurados que ganham acima do mínimo (R$ 545), será decidido na quarta-feira e anunciado na quinta-feira. A data marca a abertura do 20º Congresso Nacional dos Aposentados, em Caldas Novas (GO), onde o ministro da Previdência, Garibaldi Alves, confirmou presença.

O aumento será de R$32,70 para quem ganha o piso e de R$ 221,34 para os que recebem sobre o teto previdenciário (confira ao lado). A expectativa é de que o aumento se confirme durante o evento em Goiás. Isso porque ontem terminou o prazo para que o Ministério da Previdência apresentasse um posicionamento sobre a proposta de reajuste acima da inflação para aposentados que recebem mais que o mínimo.

O acordo foi firmado no início do mês com a Cobap, centrais sindicais e a Previdência. Segundo a Confederação, até agora não foi marcada reunião extraordinária para se discutir o reajuste. “O ministro confirmou presença no encontro. Estamos confiantes que ele anuncie se a presidenta aceitou apoiar e viabilizar a nossa proposta. Nós não abriremos mão dos 11,7% de aumento”, afirmou Warley Martins, presidente.

Caso Dilma Rousseff não aceite conceder o reajuste acima do mínimo, a solução será o Congresso. A Cobap já acerta com deputados e senadores para que o reajuste entre no Orçamento de 2012 por meio de emenda.

Central 135 em novo horário

Durante o horário de verão, que começou domingo e vai até o dia 26 de fevereiro de 2012, a Central 135 do INSS funcionará em horário diferenciado. Os segurados que precisarem tirar dúvidas diretamente com atendentes terão das 7h às 22h para ligar. O atendimento será nesse horário em todos os estados onde vigorar a medida. As exceções são Bahia e São Paulo, nos quais o atendimento será das 8h às 23h. Isso porque esses dois estados são atendidos pela Central de Caruaru, em Pernambuco, que não adere ao horário especial. Apesar das mudanças, o atendimento eletrônico da Central continua funcionando 24 horas.

http://odia.ig.com.br/portal/economia/fotos/11/10/18_tabela575.jpg

Homem é suspeito de matar esposa, filha e outras duas crianças em PE

A Delegacia de Lajedo, município do Agreste de Pernambuco, investiga um quádruplo homicídio ocorrido na madrugada desta terça-feira (18), em um sítio na Zona Rural da cidade. Um homem, que estava em liberdade condicional do Presídio de Canhotinho, é suspeito de matar a facadas a companheira e a filha do casal, de 8 anos, além de afogar outras duas crianças de 1 e 2 anos de idade em um tonel. Após cometer o crime, o homem fugiu.

De acordo com a polícia, as duas crianças que morreram afogadas são filhas da mulher com um ex-companheiro. Os quatro corpos ainda estão no local, à espera do Instituto de Medicina Legal (IML) e do Instituto de Criminalística (IC).

Gervásio diz que permanece no PMDB e na oposição, mas defende tese contrária sobre 'infiéis'

http://www.paraiba.com.br/static/images/noticias/normal/1294426534773-gervasio-maia-filho.jpg

Em quase duas horas de entrevista ao Conexão Arapuan na noite de segunda-feira (17) o deputado estadual Gervásio Maia Filho (PMDB) apresentou uma postura menos violenta em relação ao ex-governador José Maranhão (PMDB).

Gervásio Filho parece ter entendido que só conseguirá colocar seu verdadeiro plano em ação se evitar o confronto direto com o ex-governador.

Durante a entrevista o deputado variou, entre revelar claramente sua posição e escondê-la. Primeiro, deixou transparecer que o “caso da ata de São Bento” não foi digerido por completo. E, depois, defendeu abertamente a hegemonia de Maranhão sob o PMDB ao sugerir a instalação de um “colegiado de líderes” para ditar os novos rumos do partido.

“Se continuar do jeito que está, não sabemos onde vamos parar”, disse.

Depois, reafirmou que não deixa o PMDB nem a oposição. Entretanto, o parlamentar fica no partido com teses totalmente contrárias ao pensamento da atual direção. Entre elas, disse ser contra a expulsão de dissidentes, a exemplo de Iraê Lucena, e contra a luta para tomar o mandato dos deputados que deixaram a legenda, a exemplo de Trócolli Júnior.

“O PMDB tem coisas mais importantes para fazer”, disse Gervasinho.

Livrar-se de Maranhão seria uma delas, deputado?

“Não agiria de forma tão pequena assim”, respondeu.

Crime na escola: TJ liberta aluno que matou colega em Cajazeiras-PB
http://www.portalcorreio.com.br/obj/11/88743_W220Q60I2SASRFHFVRLRRCLCTCRCB.jpg

O Tribunal de Justiça da Paraíba concedeu habeas corpus em favor do estudante José Hiarley Lopes de Souza (foto acima), 19 anos, acusado de ter assassinado seu colega Renato Torres Oliveira, 21, dentro de uma sala de aula da Escola Estadual Mosenhor Constatino Vieira (Colégio Comercial) em Cajazeiras.

Hiarley, que foi preso em flagrante, matou o estudante a golpes de faca. O crime foi gravado por celular e divulgados nas redes sociais por estudantes da escola, revoltados com o crime.

Com a decisão do Tribunal de Justiça, José Hiarley irá responder pelo crime em liberdade, mas a decisão cabe recurso por parte do Ministério Público.

O crime aconteceu no dia 21 junho deste ano, após uma discussão entre vítima e acusado.

Mulher é estuprada por nove colegas de trabalho

Oito pessoas foram presas pela Polícia Judiciária Civil, no município de Lucas do Rio Verde (354 km ao Norte de São Paulo), acusados de estuprarem uma colega de trabalho.

Foram presos Arivaldo Gerônimo Trindade Gama, conhecido como ´PM´, de 36 anos, Anderson de Souza Batista, 20, Emílio Brandão Alves, 23, Flávio Teixeira da Silva, 36, José Ailton da Silva, 29, José Hélio da Silva, 36, Maximino Felix dos Santos, o ´Max´, 41 e Sandro Abreu Ribeiro, o ´Baratinha´, 31 anos.

A oitava pessoa envolvida no crime foi presa na manhã da última segunda-feira (10.10), nas dependências da Empresa em que todos trabalhavam, após um comunicado da Gerência Geral da Empresa.

A Polícia ainda procura pelo nono integrante do grupo, que também está com prisão temporária decretada.

Todos tiveram prisão temporária decretada pela Justiça no inquérito aberto pelo delegado Marcelo Martins Torhacs. ´Partes dos indivíduos confessaram. Alguns alegaram que a vítima estava embriagada totalmente e outros admitiram que fizeram sexo com ela porque a moça consentiu. Essa parte a gente viu que não era isso, pelo vídeo ela estava caída´, disse o delegado.

Na noite de quinta-feira passada (06), os policiais civis receberam uma grave denúncia de que nove homens estupraram uma mulher de 25 anos, no bairro Téssele Junior (Vila da Sadia), além de filmarem o ato através de telefones celulares e divulgarem as imagens na empresa em que trabalham.

Durante as diligencias para localizar os envolvidos no crime, cinco pessoas foram conduzidas à delegacia onde alguns confessaram a prática do crime. Porém, apenas oito praticaram o ato, pois um deles é homossexual.

De acordo com a vítima, o homossexual presenciou toda a cena sem fazer nada em defesa dela. Segundo o delegado Marcelo Martins Torhacs, o vídeo foi apreendido pelos policiais é uma prova concreta contra os acusados. ´Os vídeos foram apreendidos pela Polícia Civil e servirão de importante prova contra os investigados. As imagens demonstram que a vítima estava quase desfalecida, sendo subjugada pelos autores a toda sorte de violência sexual´, frisou.

Os nove homens responderão pelo crime de estupro de vulnerável, tendo em vista que, para a prática dos atos de violência sexual, pois aproveitaram-se do estado de embriagues da vítima. A pena para esse crime é de 08 a 15 anos de reclusão. Por se tratar de um crime hediondo os acusados não poderão responder em liberdade provisória.

Entenda o caso

No final da tarde do domingo (09), a vítima que estava voltando para casa, foi convidada pelos acusados que trabalhavam na mesma empresa que ela, a ir até a casa de José Ailton (também acusado), que até então era considerado seu amigo.

No local, todos começaram a ingerir bebidas alcoólicas e ela acabou dormindo e os oito homens começaram a praticar o crime.

Ao acordar, a vítima percebeu que estava bastante machucada e sentido muitas dores. Ela perguntou o que teria aconteceu e todos disfarçaram levando para casa.

No decorrer da semana as imagens foram divulgadas pelos suspeitos na empresa em que trabalham, quando a vítima viu o vídeo e denunciou os colegas à polícia.

'Ouvidoria de Policia da Paraíba' - Leia Artigo de Padre Bosco
A ouvidoria de policia do estado da Paraíba, conta com a colaboração de uma mulher recém-empossada para a função: Valdênia Paulino. Os sites noticiaram o fato, chamando a atenção de que pela primeira vez uma mulher assume o cargo. Valdênia tem um amplo currículo e uma ampla experiência de luta pelas causas sociais e dos direitos humanos como advogada e educadora.

Apesar de pouco tempo em nosso estado, já se tornou paraibana de tão inteirada da realidade, exatamente pelos contatos e pela colaboração dispensada como assessora a grupos e movimentos.

Como integrante do Conselho Estadual de Direitos Humanos, já participou de varias inspeções nas unidades prisionais e, por ultimo, aos adolescentes infratores.

Na ouvidoria, certamente Valdênia fará um grande trabalho. Pela função certamente realizará visitas e escutará policiais que se sentirem desrespeitados e prejudicados no seu trabalho, como também a população terá a oportunidade e o espaço para fazer as suas denuncias quando for agredida, desrespeitada e não atendida em suas necessidades relacionadas com da policia.

Por ocasião da posse, a Secretaria Defesa Social distribuiu um folder produzido no vizinho estado de Pernambuco que apresenta em breves linhas qual será o trabalho de Valdênia na ouvidoria e em quais situações a população deve procura-la.

Um dado me chamou a atenção. As pessoas devem procurar a ouvidoria quando algum policial agir com violência de forma desnecessária. Ficou para mim a pergunta muito clara e objetiva: quando a violência é necessária? Pela concepção que tenho e pelo que tenho aprendido a violência nunca será necessária porque a mesma será sempre maléfica. Se tratando da relação entre a instituição policial e a população, teremos sempre uma relação desigual. A instituição policial tem a obrigação de usar da força para impedir a violência e para proteger a vida. Toda ação violenta é geradora de mais violência.

Em todo caso, com a ouvidoria organizada e a ouvidora nomeada, o estado estará oferecendo à sociedade paraibana um espaço privilegiado para a escuta e o encaminhamento das denuncias que devem ser apuradas.

O Conselho Estadual de Direitos Humanos, do qual Valdênia faz parte, fez a indicação da mesma, através de uma lista tríplice para que o governador Ricardo Coutinho fizesse a escolha e a nomeação. Deste modo, a ouvidoria é também um compromisso do nosso Conselho para que o nosso estado seja um exemplo aos demais, na qualidade e no funcionamento através do serviço prestado na Secretaria de Defesa Social.

No site do governo do estado, encontra-se uma matéria sobre a ouvidora e sobre a sua posse no dia 10 de outubro 2011 como também sobre a ouvidoria. Segue a noticia:

“A Ouvidoria de Polícia da Seds é um órgão auxiliar do poder executivo na fiscalização dos serviços e atividades da polícia estadual. É de sua competência receber denúncia de qualquer pessoa, seja civil, militar ou outro servidor público, contra agentes policiais. A Ouvidoria funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, no Edifício Friends, localizado na Avenida Tabajaras, no Centro de João Pessoa. O telefone é 3222-3044”.
MARI: Rodrigo Ferreira envia novo Artigo com observações a cerca de contas do Ex-Prefeito

Abaixo, artigo enviado pelo professor Rodrigo Ferreira, onde constam observações a respeito das contas do Ex-Prefeito Marcos Martins, enfocando o caso da empresa Servelimpe.

Leia na íntegra:



"MARCOS MARTINS: “não há qualquer vestígio de legalidade no processo de inexigibilidade 02/2008”(TCE/PB, fl. 616).

A inexixibilidade ainda nos remete a empresa SERVELIMPE, uma vez que se refere a contratação da mesma para serviços questionáveis.
No processo de enexigibilidade os auditores do TCE/PB, encontraram inúmeras irregularidades que apontaram em seus relatórios e objetivo principal de sua contratação foi a “limpeza e remoção de lixos e entulhos” conforme fls. 470 da fls.616 TCE/PB. Os auditores expõe claramente na fl. 616 que “não há qualquer vestígio de legalidade no processo de inexigibilidade 02/2008”.
A Lei 8.666/1993 aponta primordialmente que para a contratação deve haver quantitativos para que haja o serviço, e seus contratos devem seguir a exigência de possir objetos, elementos característicos e o regime de execução conforme presente no art. 55 da Lei. Ao analisar os autos do processo 03503/09 observa-se que segundo os auditores a prestação de serviço da Servelimpe está também em podas de árvores, pintura de mio fio e outras, que não há quantitativos que obedecem a Lei 8.666/93, por que também não houve certamente um estudo para apresentar e para que haja um possível concorrência empresarial.
Em pesquisa in loco, no Departamento de Tributos, observou que o objeto da empresa servelimpe é “colata de resíduos não-perigosos. Locação de automóvel sem condutor, aluguel de outras máquinas e equipamentos comerciais... Usina de Compostagem(Fonte: Tributos)”, cuja inscrição municipal é 000294/2008, divergindo assim, do trabalho que o Defendente (Sr. Marcos Martins) aponta nos autos do processo TCE/PB 03503/09.
Dentre as irregularidades encontradas os auditores do TCE-PB, fls. 619 deve-se tornar público que sejam tomadas algumas iniciativas como:
  • Representar ao Ministério Público Estadual, com amparo na Lei 8.492/92, para que seja oferecida denúncia com vistas a apuração de ação civil de improbidade administrativa (grifos meu);
  • Representar ao Tribunal de Justiça da Paraíba, para apuração de crime re responsabilidade do Prefeito Municipal, com base no art 1º, III, do DL 200/67, c/c o art. 104, XIII, b, da Constituição Estadual.

Concluimos então, que não apenas os serviços da Servelimpe são questináveis conforma artigo publicado arteriormente, mas o processo de inexigibilidade também. Diante dos fatos aqui mensionados, é importante que a população de Mari, tome ciência e saiba como o nosso dinheiro foi gestado no ano de 2008, e assim, as autoridades nos defenda desta situação calamitosa encaminhando as denúncias e as investigações contra quem não ama Mari, quem não ama o povo de Mari. Há coisas mais importantes na vida que não só o dinheiro, a diginidade e a honestidade são uma delas.

Prof. Rodrigo Ferreira


Aposentadoria deve ter fator do ano do pedido

Um aposentado perdeu para o INSS uma revisão que buscava uma expectativa de vida mais benéfica para ter o desconto do fator previdenciário menor no benefício.

A TNU (Turma Nacional de Uniformização dos juizados) concluiu no dia 11 que o segurado só pode usar a tabela de expectativa de vida em vigor na data em que pediu a aposentadoria, e não a que valia quando ele atingiu os requisitos para o benefício.

O fator previdenciário é um índice usado para diminuir a renda mensal de quem se aposenta cedo, com base na expectativa de vida do Brasil, tempo de contribuição e idade do segurado.

Fazer sexo ajuda a combater ansiedade e tristeza da TPM

Não há nada melhor do que uma atividade prazerosa para combater a ansiedade e o nervosismo da TPM (tensão pré-menstrual).

"O orgasmo ajuda, ele libera endorfina. E se o sexo é feito com alguém por quem a mulher tenha afeto, libera ainda mais", afirma a ginecologista Gleine Rodrigues.

A endorfina, substância ligada ao prazer, acalma os nervos afetados pelos altos níveis hormonais de progesterona.

Mas não é só o sexo que a libera: exercícios físicos e atividades que a mulher goste, como ir ao parque ou ao cinema, podem ser os heróis no combate à TPM.

Mas também há um vilão bastante doce e saboroso. A mulher que cair na tentação de comer chocolate durante a TPM pode ser surpreendida com ainda mais ansiedade.



POSTADO POR EQUIPE FOCOPB/DEMAIS BLOGS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário