14 de outubro de 2011

Governador Ricardo Coutinho (PSB) lança edital para construção de centro tecnológico.



Dando seguimento ao anúncio de obras e convênios em homenagem ao aniversário de 147 anos de Campina Grande, o governador Ricardo Coutinho (PSB-PB) lançou, o edital para a construção do Centro de Inovação Tecnológica Telmo Araújo (Citta). A obra terá investimento de R$ 441 mil, a ser utilizado na reforma e ampliação do prédio, na Rua Aprígio Veloso, bairro de Bodocongó.

A meta do Governo Estadual, segundo Ricardo, é possibilitar a instalação de 40 empresas na área de Tecnologia da Informação. “Falar em ciência, tecnologia e inovação é pensar o futuro, mas é também enfrentar um mundo competitivo. O Citta será importante para desenvolver ações com conteúdo de inovação e sustentabilidade e também para a troca de experiências com instituições superiores, comunidade acadêmica e iniciativa privada”, disse o governador.

Ricardo acrescentou que a Secretaria de Ciência e Tecnologia trabalha dentro de uma visão desenvolvimentista para promover a reativação de alguns ciclos econômicos do Estado. Ele citou, por exemplo, a mineração, o polo têxtil de Piancó e o polo tecnológico de Campina Grande, entre outros, que podem ser beneficiados com a inovação tecnológica. “O principal desafio é utilizar nosso conhecimento e nossa tecnologia como forma de trazer qualidade de vida para a população”, completou.

Transversalidade – Durante a solenidade, realizada na Fundação Parque Tecnológico, o governador empossou a nova secretária executiva de Ciência e Tecnologia do Estado, Francilene Procópio, que estará ligada à Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Ciência e Tecnologia. Também participaram do evento o vice-governador Rômulo Gouveia; o deputado estadual João Gonçalves; o secretário de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Ciência e Tecnologia, João Azevedo; o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Renato Feliciano; a reitora da UEPB, Marlene Alves; o representante da UFPB, José Edson Amorim; e o vereador de Campina Grande, Jóia Germano.

Francilene Procópio destacou que pasta terá um caráter de transversalidade com os demais setores do Governo, da comunidade acadêmica e da iniciativa privada, com o intuito de criar condições para a abertura de empresas de TI de médio e grande porte e fazer com que profissionais de alto nível de qualificação voltem a atuar aqui. “O Citta é a vitrine ideal para fomentar esse processo, que dá hoje um passo muito importante”, ressaltou


POSTADO POR GENILDO ALVES.

Nenhum comentário:

Postar um comentário