27 de agosto de 2011

Rui Falcão defende candidatura própria nas principais cidades do Estado

Baixe DSCN0419.JPG (360,8 KB)

O presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Falcão, defendeu a candidatura própria da legenda nas principais cidades do Estado. A declaração à imprensa foi dada hoje (27), durante o lançamento, em João Pessoa, da campanha pela Reforma Política intitulada “Um novo Brasil, uma nova política – O país mudou, você mudou, a política também precisa mudar”, no Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadoras de Mesas Telefônicas do Estado da Paraíba (Sinttel).
            Segundo ele, a campanha “Agora É A Vez do PT” é legítima e merece ser ampliada. Para Rui, os militantes do partido na Paraíba estão estimulados, o que referenda a mobilização. “O PT precisa ter candidatura própria no máximo de cidades. Aqui (em João Pessoa) tem energia sobrando e agora é preciso que esta energia esteja convergindo em uma direção só. Apelo agora à grande unidade rumo à batalha que se avizinha”, declarou.

O Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores, em parceria com o PT da Paraíba, fará lançamento, em João Pessoa, da campanha pela Reforma Política intitulada “Um novo Brasil, uma nova política – O país mudou, você mudou, a política também precisa mudar”. O evento, que terá como palestrante o presidente nacional do PT, Rui Falcão, será realizado às 9h30 deste sábado, dia 27 de agosto, no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadoras de Mesas Telefônicas do Estado da Paraíba (Sinttel).
A campanha do PT nacional defende, para a Reforma Política, quatro pontos: financiamento público exclusivo de campanhas, voto em lista preordenada, presença de mais mulheres na política e a maior participação popular. Na cartilha da campanha, o presidente nacional da legenda, Rui Falcão, ressalta que esses pontos são prioritários para a reforma política e afirma que o PT defende mudanças profundas no sistema político brasileiro para possibilitar maior participação popular: “Queremos que as cidadãs e os cidadãos participem mais das decisões e acreditem que os governos e parlamentares vão exercer seus mandatos de acordo com os projetos debatidos e escolhidos nas eleições”.
Além disso, o presidente Rui Falcão defende a maior participação das mulheres e de grupos sub-representados na política, e também a garantia de disputas de cargos públicos mais democráticas e corretas: “As mulheres precisam ter o espaço na política que é delas por direito, assim como os outros segmentos sub-representados. É necessário também haver mais igualdade, transparência e economia de recursos na disputa pelos cargos públicos”.
Rodrigo Soares, presidente do PT da Paraíba, afirma que a vinda de Rui Falcão à Paraíba é bem vinda e ressalta a experiência do partido governando o Brasil: “A militância do PT recebe Rui Falcão de braços abertos. A partir das discussões com o presidente nacional queremos aprofundar o projeto do PT, a partir da experiência nacional com Lula e agora com Dilma, além de trazer a experiência desses governos para a Paraíba”. Rodrigo Soares também explica que quer aprofundar o diálogo interno com as diferentes correntes do PT, visando à unidade interna, para que o partido tenha uma ação política unificada nas eleições de 2012.
Ciclo de debates “Brasil Hoje e suas Perspectivas” acontece nesta sexta-feira (26)
O PT da Paraíba está realizando uma série de agendas nacionais que trazem, além da vinda do presidente nacional do Partido, Rui Falcão, para lançamento de campanha, o ciclo de debates intitulado “Brasil Hoje e suas Perspectivas”, que será realizado nesta sexta-feira, dia 26, às 19h, e contará com palestras de Marcio Pochmann, presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), do secretário Geral do PT, Elói Pietá, e do presidente da Fundação Perseu Abramo, Nilmário Miranda. O ciclo de debates acontecerá no auditório do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba – Campus I, em João Pessoa e será realizado em parceria com a Fundação Perseu Abramo e o PT nacional.
Rui Falcão – presidente nacional do PT
Rui Falcão (Rui Goethe da Costa Falcão) nasceu em Pitangui-MG, em 26 de novembro de 1943. Formado em Direito pela Universidade de São Paulo em 1967, Rui Falcão foi jornalista de importantes períodicos como A Gazeta, Folha de S. Paulo, Notícias Populares, Jornal da Tarde e Diário da Noite, todos de São Paulo, além de diretor de redação da revista Exame, entre 1977 e 1988. Ele também foi diretor estatutário do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo entre1983 e 1988.
Falcão foi um dos membros fundadores do PT. Ocupou o cargo de deputado estadual de São Paulo por duas vezes consecutivas, nas legislaturas de 1990 e 1994. Em 2000, tornou-se deputado federal pelo mesmo Estado. Licenciou-se para assumir a Secretaria de Governo da cidade de São Paulo na administração de Marta Suplicy. Em 2004, foi candidato a vice-prefeito de São Paulo na chapa da então prefeita Marta Suplicy.
Três anos depois, Falcão retorna ao Legislativo paulista, sendo o mais votado da coligação PT-PC do B, o quarto mais votado do Estado, com 183.364 votos. Nas eleições 2010, foi reeleito com 174.691 votos na coligação PRB-PT-PR-PT do B, figurando como o candidato mais bem votado a esse cargo na Capital paulista.
Como dirigente partidário, o jornalista já foi presidente do Diretório Municipal do PT em São Paulo entre 1989 e 1992; do Diretório Nacional em 1994; e vice-presidente do Diretório Nacional de 2009 a 2011, ano em que foi eleito e empossado novamente presidente da instância. Sua volta aconteceu após o afastamento do então presidente José Eduardo Dutra por motivos de saúde, em março daquele ano.
Além da atuação como dirigente, no partido, Rui Falcão foi coordenador das campanhas de Eduardo Suplicy à sucessão de Luiza Erundina na prefeitura de São Paulo em 1992; de Luiz Inácio Lula da Silva em 1994 à sucessão de Itamar Franco na presidência da República; e de Dilma Rousseff em 2010 à sucessão de Lula da Silva na presidência.
Em 2010, a ONG Voto Consciente, por meio de pesquisa e acompanhamento das atividades parlamentares na Assembleia Legislativa de São Paulo, avaliou Rui Falcão como um dos três melhores deputados da Legislatura de 2007, conferindo nota 10 à comunicação do parlamentar com os eleitores.

postado por Genildo Alves.

Nenhum comentário:

Postar um comentário