17 de abril de 2011

Radialista é investigado por deixar filho esperando em colégio


Três horas de atraso para buscar o filho na escola foram suficientes para que um radialista fosse detido e encaminhado à delegacia de Polícia Civil, sob a acusação de abandono de capaz. O caso aconteceu no sábado (16) em Cajazeiras, no Sertão paraibano.
De acordo com boletim registrado pelo 6º Batalhão, uma professora solicitou que a Polícia Militar tomasse providências porque já seria costume dos pais deixarem a criança de seis anos esperando durante horas. Geralmente, os alunos são liberados às 11h, mas já passava das 14h e a criança ainda estava aguardando que alguém lhe buscasse.
Policiais e um representante do Conselho Tutelar foram até a escola Mundo Infantil, no Centro, e recolheram a criança e a professora para a delegacia, onde foi prestada a queixa. O radialista Francisco Kleber Gomes Queiroz, de 55 anos, acusado de abandonar o filho, não chegou a ser preso. O comportamento dele e da esposa será investigado.

Foco PB por Paraíba 1

Nenhum comentário:

Postar um comentário