17 de abril de 2011

Abril Vermelho do MST mobiliza ações na Paraíba


Abril Vermelho do MST mobiliza ações na Paraíba

Protesto protestam contra o Massacre de Eldorado dos Carajás, realizado em 1996.

A Paraíba foi um dos 18 estados brasileiros em que o Movimento dos Sem Terra (MST) realizou a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária, que anualmente acontece em protesto ao Massacre de Eldorado do Carajás (em que 19 trabalhadores rurais sem terra foram mortos em 1996 após combate com a polícia) e que é conhecido como “abril vermelho”.

Até agora, ao longo desta última semana foram registradas três ocupações de terra e uma invasão à sede do Incra na Paraíba, onde algumas famílias montaram acampamento.

Segundo balanço do MST, estão mobilizadas em todo o Brasil 18 mil famílias em luta, totalizando “mais de 50 ocupações de latifúndios, mobilizações em 13 sedes do Movimento, fechamento de estradas, acampamentos, debates com a sociedade, audiências públicas e ações em diferentes órgãos dos governos locais.

O movimento informou que, na última quarta-feira (13), o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral) anunciou o compromisso do Governo Federal em responder às pautas de reivindicação apresentadas até a data limite de 2 de maio.

Entre as reivindicações estão a recomposição do orçamento para a reforma agrária, para as demandas da educação do campo e a renegociação das dívidas dos assentados.

Houve protestos também em Alagoas, Bahia, Distrito Federal, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, Pará, Paraná e Pernambuco.

Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário