10 de março de 2011

WS admite pela 1ª vez perda do mandato no Senado

WS admite pela 1ª vez perda do mandato no Senado
Santiago admite pela 1ª vez perda do mandato no Senado Federal e avisa que vai acatar a decisão do Supremo: “Seja ela qual for”

O senador Wilson Santiago (PMDB) em entrevista na tarde desta quinta-feira (10) disse que caso o Supremo Tribunal Federal conceda o deferimento do registro da candidatura de Cássio Cunha Lima (PSDB) caberá apenas acatar a decisão e sair do Senado Federal. Esta foi a primeira vez que o senador diplomado admitiu a perda do mandato no Congresso Nacional.

“O Supremo ainda não julgou se vai ou não aplicar a Lei da Ficha Limpa. Vamos aguardar a decisão judicial e a obrigação de cada um de nós é respeitar. Cabe aceitar a decisão”.

Wilson foi o terceiro colocado na Paraíba para Senado Federal, nas últimas eleições. Como o candidato mais votado Cássio não pode assumir seu mandato já que não conseguiu o deferimento de sua candidatura, Wilson assumiu no Congresso a vaga.

O senador informou que não vai fazer nenhuma solicitação a cúpula do PT para tentar ficar no cargo, vai mesmo aguardar o resultado do STF. Ele reatou que o processo de Cássio Cunha Lima vem se arrastando há quase 10 meses nas instâncias da justiça eleitoral.

“Já são quase 10 meses que esse processo rola. Hoje está no supremo e não sabemos como será esse julgamento. Até agora o STF não publicou nenhum resultado do caso. Vamos respeitar o direito dos outros de buscar a justiça”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário